Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Divulgação/ FIVB
Divulgação/ FIVB

Seleção feminina de vôlei bate República Dominicana e segue invicta na Liga das Nações

Brasil vence por 3 sets a 0 e agora tem pela frente os Estados Unidos nesta quinta-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

26 de maio de 2021 | 16h29

A seleção brasileira feminina de vôlei segue invicta na Liga das Nações. Nesta quarta-feira, as comandadas de José Roberto Guimarães bateram a República Dominicana por 3 sets a 0, com parciais de 25/20, 25/13 e 25/17. Na estreia, as brasileiras venceram o Canadá, de virada, por 3 sets a 1.

A oposta Tandara, a ponteira Fernanda Garay e a central Carol Gattaz tiveram grande destaque no jogo. As duas primeiras foram as maiores pontuadoras, marcando 14 pontos cada. Já Carol Gattaz começou a partida como titular e marcou dez pontos. Ela elogiou o desempenho da seleção e disse que foi possível tirar bons ensinamentos do duelo.

“Foi um jogo bom. Conseguimos tirar bastante o passe delas e facilitou o nosso sistema de bloqueio e defesa, apesar delas serem jogadoras muito fortes e que pegam alto. Nós conseguimos imprimir nosso ritmo de jogo, então achei que foi bem interessante”, disse Carol Gattaz, que ainda comentou a sua participação e a entrada de Mayany na equipe titular.

“Cada uma vai se adaptando jogo a jogo e isso é importante para que todas peguem um bom ritmo de jogo. A cada partida vamos melhorando individualmente e como grupo”, explicou Carol Gattaz.

Nesta primeira semana, a seleção feminina ainda tem pela frente os Estados Unidos. O jogo contra as norte-americanas acontece nesta quinta-feira, às 16h, novamente em Rimini, na Itália. Ainda hoje, os Estados Unidos enfrentam o Canadá. Na primeira partida, vitória também por 3 sets a 0 sobre a República Dominicana.

Em preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, as seleções terão de cumprir ao todo 15 jogos nesta primeira fase da Liga das Nações. As quatro melhores colocadas avançam para a fase semifinal, que seguirá em Rimini.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.