Alexandre Arruda/Divulgação - CBV
Alexandre Arruda/Divulgação - CBV

Sesi recebe o Praia Clube na abertura das quartas de final da Superliga feminina

Equipe paulista, quinta colocada na fase classificatória, tenta superar a competente equipe de Uberlândia

O Estado de São Paulo

25 de fevereiro de 2013 | 16h03

SÃO PAULO - As quartas de final da Superliga feminina começam nesta segunda-feira, e com um dos duelos mais interessantes. Em tese, o confronto entre o quarto e o quinto colocado é sempre o mais equilibrado. O Sesi, que encerrou a campanha classificatória em quinto, encara o Praia Clube, de Uberlândia, que foi uma das surpresas mais positivas da competição.

A primeira partida será no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo, às 18h30.

As jogadoras da equipe mineira, bem comandadas pelo treinador Spencer Lee Christian Driessen Van Djik, apostam numa vitória na casa do adversário. "A expectativa para o jogo é ótima, pois terminamos a fase de classificação com uma bela vitória sobre o Rio do Sul. Estamos muito confiantes para essa primeira partida, apesar de ser fora de casa. Contamos com a força do nosso grupo nessa nova fase da competição", aifrmou a oposto Monique.

A levantadora Dani Lins espera ver a equipe comandada pelo treinador Talmo, campeão olímpico em 92, em melhor estado. "É um novo campeonato e não podemos ter as falhas que tivemos na primeira fase. Agora para recuperar é muito mais difícil. O Praia Clube é bem forte e ainda vai decidir em casa, então temos que vencer segunda-feira, não tem outra opção. Vamos superar os desfalques e ir pra cima”.

Nesta terça-feira, o Sollys Nestlé, que perdeu a primeira colocação para o Unilever, encara o Minas. No mesmo dia, a Unilever enfrenta o Rio do Sul. No dia seguinte, um duelo paulista, entre Vôlei Amil e Pinheiros, se inicia. Todas as partidas serão exibidas pelo SporTV.

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiSuperliga femininaSuperliga

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.