Divulgação/Medley
Divulgação/Medley

Sesi tenta evitar eliminação em São Bernardo

Time de São Bernardo, recheado por 'medalhões', foi surpreendido pela jovem equipe do ABC

O Estado de São Paulo

07 de outubro de 2012 | 16h19

Depois de surpreender o Sesi na casa do adversário, o São Bernardo tenta a segunda vitória seguida sobre a poderosa equipe dirigida pelo técnico Giovane Gávio para assegurar lugar na final do Campeonato Paulista masculino de vôlei. O outro finalista é o Medley/Campinas, que bateu o Vôlei Futuro, em Araçatuba, por 3 a 2, e liquidou a série por 2 a 0. A partida começa às 18h30, no Ginásio Poliesportivo de São Bernardo, com transmissão pelo SporTV.

Com orçamento polpudo e vice-campeões olímpicos em sua alta folha de pagamentos, o Sesi tentará evitar o vexame de ser eliminado por uma equipe formada por jovens atletas e que perdeu o patrocínio do banco BMG.

Campeão (pelo Sesi) da Superliga 2010/11, Giovane destaca a necessidade de não errar. "Cada jogo agora é como se fosse uma final. E é assim que temos que pensar. Nossa meta é a vaga na decisão, é conquistar o título, e precisamos jogar bem, minimizando os erros e sendo eficientes para conseguir a vitória lá em São Bernardo. Se a série já era uma série difícil, agora ficou ainda mais complicada, porque perdemos o primeiro confronto e agora não temos mais o direito de falhar. Temos que conseguir duas vitórias, mas vamos pensar em um jogo de cada vez, temos que pensar no jogo de agora para que haja outro".

O resultado ao menos ajudou a dirimir uma dúvida dos fãs do vôlei. Alguns chegaram a imaginar que o Sesi não havia se empenhado no último jogo da fase classificatória - naquela partida, o time de Murilo, Sidão e Lorena apanhou do Medley por 3 a 0, em pleno ginásio da Vila Leopoldina. As duas derrotas seguidas do Sesi (que estava invicto antes de tropeçar no time campineiro) evidenciam que a equipe da capital de fato vivencia um mau momento técnico.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.