João Pires/Fotojump
João Pires/Fotojump

Vôlei Nestlé apresenta reforços: belga Lise Van Hecke, Suelle e Saraelen

'As mudanças qualificam ainda mais o grupo', diz técnico Luizomar

O Estado de S. Paulo

15 de junho de 2015 | 16h04

Vice-campeão da última edição da Superliga Feminina de Vôlei, o time de Osasco tem novidades para a temporada 2015/16. A equipe comandada por Luizomar passa a ser chamada Vôlei Nestlé e terá a oposta belga Lise Van Hecke (ex-Piacenza-ITA), a ponteira Suelle (ex-Sesi) e a central Saraelen (ex-São Caetano) como reforços.

Para o treinador, o time estará qualificado para brigar pelo título. "A expectativa é positiva, as mudanças qualificam ainda mais o grupo. Temos um elenco para brigar pelas primeiras colocações. A filosofia do projeto foi mantida, mesclando atletas experientes com as mais jovens e ainda vou agregar meninas das categorias de base."

O Vôlei Nestlé vai manter a base da última Superliga: Thaisa, Adenízia, Camila Brait, Dani Lins, Carcaces, Gabi, Diana, Ivna, Dani Terra e Marjorie. E o técnico Luizomar vê a permancência dessas jogadoras como inspiração para as atletas mais jovens. 

"Manter jogadoras como Thaisa, Dani Lins, Camila Brait, Adenízia e trazer estrangeiras é muito bom para inspirar as novas gerações. Espero que esse conjunto seja vitorioso e que dê alegrias para nossa torcida. É um ano pré-olímpico, a expectativa é grande e teremos uma Superliga extremamente equilibrada", projeta.

Elenco do Vôlei Nestlé para a temporada 2015/16:

Adenizia - Central - 1,86 m, 70 kg

Camila Brait - Líbero - 1,70 m, 57 kg

Carcaces - Ponta - 1,90 m, 78 kg

Dani Lins - Levantadora - 1,83 m, 70 kg

Dani Terra - Líbero - 1,66 m, 55 kg

Diana - Levantadora - 1,77 m, 69kg 

Gabi - Ponta - 1,75 m, 69 kg

Ivna - Oposta - 1,85 m, 82kg 

Lise Van Hecke - Oposta - 1,88 m, 75kg

Marjorie - Central - 1,86 m, 70kg 

Saraelen - Central - 1,84 m, 76kg 

Suelle - Ponta - 1,86 m, 71kg

Thaisa - Central - 1,96 m, 77kg

Tudo o que sabemos sobre:
vôleiVôlei Nestlé

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.