Telemig desfila em carro de bombeiro

Jogadores e comissão técnica do Telemig Celular/Minas foram recebidos com festa nesta sexta-feira, em Belo Horizonte, dia seguinte à conquista do bicampeonato da Superliga Masculina de vôlei - a decisão terminou em 3 sets a 1 para os mineiros, contra a Ulbra, em Porto Alegre - e do quinto título nacional da equipe, desde a década de 80. A delegação desembarcou no início da tarde, no Aeroporto da Pampulha, onde era aguardada por dezenas de torcedores uniformizados. De lá, seguiu em um carro do Corpo de Bombeiros por um trajeto de pouco mais de 20 quilômetros até a sede do Minas Tênis Clube, na Zona Sul, passando pelo centro da capital e parando por alguns minutos em frente ao prédio da empresa de telefonia móvel, patrocinadora do time. Na sede do Minas, os jogadores e o técnico Cebola foram saudados com fogos de artifício e receberam cumprimentos de dirigentes e torcedores, ao som de uma charanga. Um dos mais festejados foi o levantador Maurício, eleito o melhor na posição no campeonato. "Nossa maior satisfação foi trazer este título para a torcida mineira que, infelizmente, não pode comemorar no jogo aqui de Belo Horizonte, sábado passado", disse. O atacante Giba, que recebeu proposta supostamente irrecusável de um time do voleibol italiano, preferiu não comentar a possibilidade de transferência. "O momento é de festa", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.