Divulgação
Divulgação

Times brasileiros buscam o título mundial no vôlei

No feminino, Rexona-Sesc estreia nesta terça nas Filipinas; Em Betim, Sada Cruzeiro e Minas Tênis Clube entram em quadra

O Estado de S. Paulo

18 Outubro 2016 | 08h00

Três times brasileiros vão tentar o título no Mundial de Clubes de vôlei. No feminino, o Rexona-Sesc estreia hoje, às 9h30 (horário de Brasília), para enfrentar as donas da casa, o PSL F2 Logistics, em Manila, nas Filipinas. No masculino, em Betim (MG), o Sada Cruzeiro vai em busca do tricampeonato em torneio que conta também com o Minas Tênis Clube.

Na edição passada, o campeão faturou US$ 210 mil e, além da premiação total de US$ 500 mil que será distrubuída para as equipes, o Rexona-Sesc está de olho no título inédito. A equipe bateu na trave em 2013, com o vice-campeonato, mas desta vez sonha alto e espera fazer história. Até porque outras brasileiras reforçam adversários, como Thaisa, do Eczacibasi Vitra, e Mari Paraíba, do Volero Zurich.

"Nossos adversários são duríssimos. Temos o Casalmaggiore, campeão europeu, e o Eczacibasi, da Turquia, que na minha opinião é o melhor time do ponto de vista individual da competição. Será um torneio muito complicado para a gente, um processo de aprendizado, de crescimento para as jogadoras, que não tem tanta oportunidade de disputar competições neste nível. Mas tenho confiança de que podemos jogar bem, sabemos do que somos capazes, mas sem criar expectativas excessivas", disse o técnico Bernardinho.

No masculino, o Sada Cruzeiro terá a oportunidade de contar com o apoio da torcida local para a primeira fase da competição, na qual terá rivais como o Zenit Kazan (Rússia), o Tala'ea El Geish (Egito) e o Taichung Bank (China Taipei). Na outra chave estão o Minas, o Trentino (Itália) e os argentinos Bolivar e UPCN.

“Com o treinamento dos últimos dias, a forma física vai evoluindo. Eu mesmo estou em um nível bem melhor, mais tranquilo pra jogar e tudo vai conspirando a favor. Temos grandes jogadores e, quando o time está bem fisicamente, as coisas ficam mais fáceis. O nosso time está evoluindo a cada dia e vamos firmes para esse Mundial”, afirmou o levantador William, do Sada Cruzeiro.

Partidas desta terça-feira no Mundial de Clubes masculino:

14h30 – Zenit Kazan x Tala’ea El-Gaish

17h – Minas Tênis Clube x UPCN San Juan

19h30 – Sada Cruzeiro x Taichung Bank

Notícias relacionadas
Mais conteúdo sobre:
Vôlei Fivb Bernardinho

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.