Vôlei: argentinos sonham com lucro

O Mundial Masculino de Vôlei da Argentina/2002 deve render US$ 13 milhões com venda de direitos de tevê, publicidade em ginásios, produtos licenciados e tíquetes, segundo o jornal El Cronista Comercial. A 14.ª versão do torneio, entre setembro e outubro, terá 24 Seleções jogando em seis sedes, com final em Buenos Aires. Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.