Wander Roberto/Inovafoto/CBV
Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Vôlei de praia brasileiro já garante 4 duplas nas oitavas na etapa de Itapema

Ana Patrícia/Rebecca, Ágatha/Duda e Carol/Maria Elisa, no torneio feminino, e Bruno Schmidt/Evandro, no evento masculino. estão nas oitavas

Redação, Estadao Conteudo

16 de maio de 2019 | 21h36

No primeiro dia de disputa das chaves da etapa de Itapema (SC) do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, um evento quatro estrelas, o Brasil garantiu a classificação de quatro duplas às oitavas de final: Ana Patrícia/Rebecca, Ágatha/Duda e Carol/Maria Elisa, no torneio feminino, e Bruno Schmidt/Evandro, no evento masculino.

Campeãs em Itapema em 2018, Ágatha e Duda avançaram em primeiro lugar no Grupo A com vitórias sobre as argentinas Gallay e Pereyra, por 21/17 e 21/14, e as alemãs Bieneck e Schneider, por 18/21, 21/16 e 16/14.

Ana Patrícia e Rebecca, as líderes da corrida olímpica brasileira, avançaram no Grupo C ao passar pelas holandesas Laura Bloem e Jolien Sinnema, por 21/18 e 21/13, e pelas suíças Nina Betschart e Tanja Huberli, por 21/18, 24/26 e 15/11. Assim, chegaram aos 16 jogos de invencibilidade no Circuito Mundial.

No Grupo F, Carol Solberg e Maria Elisa superaram as norte-americanas Brittany Hochevar e Carly Wopat por 21/10 e 21/9, depois aplicando 21/15 e 21/17 em Larsen e Stockman, também dos Estados Unidos.

Talita e Taiana vão precisar disputar a repescagem. Nesta quinta, elas superaram as espanholas Elsa Baquerizo e Liliana Fernandez, por 14/21, 21/18 e 15/8, e perderam para as canadenses Heather Bansley e Brandie Wilkerson por 21/19, 24/26 e 15/8.

Já Fernanda e Bárbara caíram para as eslovacas Dubovcova e Strbova por 21/16 e 21/18, enquanto Juliana e Josi foram batidas pelas canadenses Sarah Pavan e Melissa por 21/17 e 21/6. E Tainá e Victoria perderam para as norte-americanas Alix Klineman e April Ross por 21/19 e 21/13. Essas duplas precisam vencer na rodada final da chave para se garantirem na repescagem.

CHAVE MASCULINA 

No evento masculino, as duplas brasileiras somaram quatro vitórias em nove jogos disputados nesta quinta-feira. O melhor desempenho foi de Evandro e Bruno Schmidt, no Grupo F, com triunfos sobre os canadenses Saxton e O'Gorman por 21/19 e 21/12 e os mexicanos Juan Virgen e Rodolfo Ontiveros por 21/15 e 21/9, assegurando passagem às oitavas de final em Itapema.

Com uma vitória em dois jogos Alison/Álvaro Filho e Guto/Saymon foram à repescagem. Alison e Álvaro bateram os norte-americanos Slick/Allen por 12/21, 21/15 e 15/12, mas perderam para os holandeses Brouwer e Meeuwsen por 21/17 e 21/16. Já Guto e Saymon venceram os checos Perusic e Schweiner por 21/18, 17/21 e 15/8, sendo superados depois pelos poloneses Bryl e Fijalek por 21/13 e 22/20.

As demais duplas brasileiras perderam logo na estreia, agora precisando de um triunfo para irem à repescagem. André e George sofreram revés para os austríacos Rob Seidl e Waller por 30/28 e 21/18, Thiago e Oscar foram batidos pelos poloneses Losiak e Kantor por 21/8 e 21/17, e Pedro Solberg e Vítor Felipe caíram para os suíços Beeler e Krattiger 21/17 e 21/15.

Tudo o que sabemos sobre:
vôlei de praia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.