Vôlei: é crítica falta de levantadores

Se o número de levantadores acima da média no vôlei brasileiro é insatisfatório, a tendência a partir de 2002 não é nada animadora. A nova regra da Confederação Brasileira de Vôlei estabelece que na competição feminina só serão permitidas estrangeiras se atuarem como levantadoras. A medida abre discussão entre atletas da posição e técnicos, inclusive Marco Aurélio Motta, o novo comandante da Seleção Brasileira Feminina.Leia a íntegra no JT

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.