Vôlei masculino da Argentina bate Chile e pega Venezuela

As duas seleções decidirão a única vaga na Olimpíada de Pequim via o torneio sul-americano

EFE

07 de janeiro de 2008 | 10h35

Jogando em casa, a Argentina superou o Chile por 3 sets a 0, com parciais de 25-14, 25-14 e 25-18, e se prepara para decidir a única vaga do Pré-olímpico sul-americano masculino contra a Venezuela. O astro da Argentina foi novamente o oposto Marcos Milinkovic, com passagens pelo vôlei brasileiro. A seleção quer o apoio da torcida no ginásio Cinqüentenário, da província de Formosa, para superar os venezuelanos, comandados pelo treinador brasileiro Ricardo Navajas. Também no domingo, os venezuelanos venceram o Uruguai por 3 sets a 0, com parciais de 25-17, 25-16 e 25-18. O resultado enche os comandados de Navajas de moral para buscar presença no torneio olímpico. Para a partida de terça, o treinador ainda terá o reforço de Luis Díaz, um dos destaques da equipe. Ele acaba de se recuperar de uma lesão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.