Kely Pereira/ Sport
Kely Pereira/ Sport

Ceará ganha, entra na zona da Copa Sul-Americana e afunda o Sport entre os piores

Com gols de Vina e Marlon, o clube mandante saltou para o décimo lugar, com 42 pontos

Redação, Estadão Conteúdo

14 de novembro de 2021 | 21h20

O Ceará levou a melhor no duelo nordestino contra o Sport na noite deste domingo, na Arena Castelão, em Fortaleza, ao ganhar por 2 a 1, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado colocou os mandantes na zona de classificação para a Copa Sul-Americana e complicou os pernambucanos, afundados na degola.

Com gols de Vina e Marlon, o Ceará saltou para o décimo lugar, com 42 pontos. O Sport, que fez com Mikael, parou na 18ª colocação, com 30 pontos, a seis do primeiro rival fora da zona de rebaixamento.

O Sport tentou mais vezes no primeiro tempo, mas o Ceará foi certeiro. O clube pernambucano arriscou com Paulinho Moccelin aos 3 minutos e com José Wellison aos 4. Em ambas as oportunidades, o goleiro João Ricardo fez boa defesa e salvou o Ceará.

Sem se importar com a pressão inicial, o Ceará foi ao ataque e abriu o marcador aos 8. Vina recebeu de Jael e bateu rasteiro, no cantinho para vencer Maílson. O Sport esboçou reação apenas aos 32 minutos em cabeçada de Sabino que tirou tinta da trave. Aos 37, Mikael exigiu outra boa defesa de João Ricardo.

No segundo tempo, o Sport manteve a estratégia de chutar, chutar e chutar. Mikael recebeu de José Welison e bateu firme, mas João Ricardo estava lá para evitar o empate. A resposta do Ceará veio aos 7 minutos. Mendoza acertou a trave em chute de fora da área.

De tanto arriscar, o Sport chegou ao empate aos 15. Mikael foi mais esperto do que Messias, dominou na área e encheu o pé para, finalmente, vencer João Ricardo. O Ceará acordou e foi em busca da vitória. Aos 30 minutos, Mendoza deu trabalho a Maílson em uma pancada da entrada da área. Na sequência, Marlon pegou bola rebatida e chutou rasteiro para recolocar o Ceará em vantagem. O Sport não desistiu. No lance seguinte, Luciano Juba cabeceou à queima roupa, João Ricardo fez milagre e a bola ainda bateu no travessão.

Na 33ª rodada o Ceará terá o clássico contra o Fortaleza, quarta-feira, às 19 horas, na Arena Castelão. No dia seguinte, às 21 horas, o Sport receberá o Bahia na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata. Os dois estão ameaçados de cair para a Série B.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 2 X 1 SPORT

CEARÁ - João Ricardo; Igor (Gabriel Dias), Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho (William Oliveira), Marlon, Lima (Rick) e Vina; Mendoza (Gabriel Lacerda) e Jael (Cléber). Técnico: Tiago Nunes.

SPORT - Maílson; Ewerthon, Rafael Thyere, Sabino e Sander; Marcão Silva, José Welison, Hernanes (Cristiano) e Everton Felipe (Luciano Juba); Paulinho Moccelin (Tréllez) e Mikael. Técnico: Gustavo Florentín.

GOLS - Vina, aos 9 minutos do primeiro tempo; Mikael, aos 15, e Marlon, aos 35 do segundo.

ÁRBITRO - Marcelo de Lima Henrique (RJ).

CARTÕES AMARELOS - Jael (Ceará); Carlos Eduardo e Rafael Thyere (Sport).

RENDA e PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.