Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Com parceiro inédito na zaga, Dracena diz se preocupar com entrosamento

Jogador do Palmeiras afirma que time pode ter dificuldades por jogar com defesa modificada

Redação, O Estado de S. Paulo

19 de março de 2019 | 16h30

O zagueiro Edu Dracena, do Palmeiras, disse nesta terça-feira que o time vai precisar ter atenção especial com a organização e entrosamento da nova dupla de defesa. Com desfalques por lesão, cartões e convocações para seleções, a equipe terá contra a Ponte Preta, nesta quarta-feira, pelo Campeonato Paulista, um composição inédita do setor defensivo.

O técnico Luiz Felipe Scolari não poderá contar com Antônio Carlos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Gustavo Gómez, em compromisso com o Paraguai, nem com Luan, machucado. Por isso, Edu Dracena é o único zagueiro disponível que está inscrito na competição e pode ter como dupla na defesa ou Thiago Santos ou Felipe Melo, dois volantes que seriam improvisados.

"Entrosamento, nós não vamos ter. Precisamos conversar na hora do jogo para tentar posicionar", afirmou Dracena em entrevista coletiva. O zagueiro disse ainda não saber quem será o parceiro de defesa. A definição do time foi em treinos fechados nos últimos dias. "Como só tem eu inscrito de zagueiro de ofício, com certeza vai ter que improvisar ou dar a grande chance de um moleque da base mostrar o potencial", comentou.

A partida do Palmeiras com a Ponte Preta terá início às 21h30. Se vencer a partida e contar com tropeços de Red Bull e Santos, o time alviverde terminará a primeira fase com a melhor campanha geral. "Temos de atuar e tentar ajudar o time a sair com a vitória para manter a primeira colocação no grupo e bem perto da liderança geral", disse Dracena.

Para Entender

Guia do Paulistão 2019: tudo o que você precisa saber sobre a competição

Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo vão iniciar competição com menos de três semanas de pré-temporada

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.