Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

Diniz lamenta falhas coletivas do São Paulo: 'Poderíamos ter jogado melhor'

Equipe perdeu por 3 a 2, de virada, para o Red Bull Bragantino na noite desta quinta-feira

Redação, Estadão Conteúdo

23 de julho de 2020 | 22h46

O técnico Fernando Diniz avaliou que o São Paulo cometeu muitos erros coletivos na sua volta aos gramados após mais de quatro meses sem disputar uma partida oficial. Depois da derrota por 3 a 2 para o Red Bull Bragantino, no Morumbi, ele reconheceu que o time sentiu os efeitos da inatividade, mas também reconheceu que o desempenho poderia ter sido melhor.

"Na realidade falhamos mais do que deveríamos na parte defensiva mais coletiva. Não é ninguém específico. Mesmo com a parada, claro que nós iríamos sentir um pouco, poderíamos ter jogado melhor", afirmou o treinador em entrevista ao Premiere.

O São Paulo entrou em campo já classificado às quartas de final do Paulistão, mas perdeu a chance de garantir o primeiro lugar do Grupo C antecipadamente - o time está com 18 pontos, um a mais do que o segundo colocado Mirassol. No domingo, na Vila Belmiro, a equipe vai enfrentar o Guarani, na rodada final da primeira fase.

Pablo foi o principal destaque do time ao marcar dois gols no vazio estádio, ainda que o clube tenha estendido bandeirão pelos setores do Morumbi, também colocando cânticos da torcida no sistema de som do estádio.

Assim como Diniz, o zagueiro Bruno Alves admitiu que o São Paulo oscilou na partida, em que teve um início promissor, abrindo 1 a 0 e criando boas chances. E reconheceu a necessidade de a equipe evoluir para o duelo no fim de semana. "Alternamos momentos bons e ruins. Eles foram felizes nas chances. Agora é melhorar porque domingo tem mais jogo", afirmou o defensor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.