Sergio Moraes/Reuters
Sergio Moraes/Reuters

Gabriel Veron, do Palmeiras, é eleito o melhor jogador do Mundial Sub-17

Jovem atacante foi autor de três gols na competição; Matheus Donelli, do Corinthians, recebe a Luva de Ouro

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de novembro de 2019 | 06h49

O atacante Gabriel Veron, que pertence ao Palmeiras, foi escolhido neste domingo como o melhor jogador do Campeonato Mundial Sub-17, conquistado pela seleção brasileira com vitória sobre o México por 2 a 1, no estádio Bezerrão, no Distrito Federal. O jovem atacante foi autor de três gols na competição e peça importante na decisão. Ele sofreu o pênalti que resultou no primeiro gol da equipe comandada por Guilherme Dalla Déa, que foi convertido pelo atacante Kaio Jorge, do Santos.

Antes, o mexicano Bryan González abriu o marcador. O jogo estava duro. Coube a Lázaro, que havia saído do banco na etapa complementar, anotar o gol que garantiu a reviravolta no placar e selou a conquista do tetracampeonato mundo. A Bola de Prata do Mundial Sub-17 ficou com o meia francês Adil Aouchiche; e a Bola de Bronze com o meia mexicano Eugenio Pizzuto.

Kaio Jorge, com cinco gols, recebeu a Chuteira de Bronze. Ele foi o terceiro colocado na tabela dos artilheiros. O brasileiro ficou atrás do francês Arnaud Kalimuendo-Muinga pelo maior número de minutos jogados, e do holandês Sontje Hansen, que balançou as redes seis vezes. O goleiro Matheus Donelli, do Corinthians, recebeu a Luva de Ouro, de melhor goleiro da competição./Com informações da EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.