José Tramontin/Athletico-PR
José Tramontin/Athletico-PR

Invictos, Athletico-PR e Bahia tentam liderar seus grupos na Copa Sul-Americana

Após os jogos de ida e volta, apenas o líder de cada chave avançará às oitavas de final

Redação, Estadão Conteúdo

04 de maio de 2021 | 08h20

Athletico-PR e Bahia abrirão, nesta terça-feira, a terceira rodada da Copa Sul-Americana. Invictos, os brasileiros poderão assumir a liderança dos seus grupos. O Athletico, aliás, terá um desafio de 100% contra o líder Melgar. Os dois clubes venceram as duas partidas no Grupo D, somando seis pontos cada.

Os peruanos, mandantes da partida às 21h30, levam vantagem no saldo de gols (3 a 2). No novo regulamento da Sul-Americana, apenas o líder de cada grupo avançará às oitavas de final. O Melgar vem de vitória sobre o Aucas, do Equador, por 2 a 0, enquanto o Athletico, que ainda não tomou gols, venceu o Metropolitanos, da Venezuela, por 1 a 0.

No Grupo B, o Bahia receberá o Independiente às 19h15, em Salvador. Dono do segundo melhor ataque, ao lado justamente dos argentinos, o Bahia goleou o Guabirá, da Bolívia, por 5 a 0, e ficou na vice-liderança com quatro pontos, a dois do Independiente. Os argentinos têm 100% e chegam embalados pelo triunfo, por 3 a 1, sobre o Montevideo City Torque, do Uruguai.

A semana ainda terá outros brasileiros em campo. Líder do Grupo C com quatro pontos, o Ceará visitará o vice-líder Bolívar em La Paz. Ainda sem vencer e na terceira colocação do Grupo E, o Corinthians buscará a reabilitação diante do Sport Huancayo no Peru. A dois pontos da liderança do Grupo F, o Atlético-GO enfrentará o líder Libertad no Paraguai. O Red Bull Bragantino, vice-líder do Grupo G, medirá forças contra o Talleres, em casa. Já o Grêmio, líder do Grupo H com 100%, receberá o Aragua em Porto Alegre.

Após os jogos de ida e volta dentro dos próprios grupos, apenas o líder de cada chave avançará às oitavas de final. Os classificados vão enfrentar os terceiros colocados da Copa Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.