Guilherme Videira/Novorizontino
Guilherme Videira/Novorizontino

Novorizontino derrota o Santo André e abre cinco do Palmeiras no Grupo C

Felipe Rodrigues e Jenison marcam os gols da vitória por 2 a 0 no começo do segundo tempo

Redação, Estadão Conteúdo

20 de abril de 2021 | 22h46

O Novorizontino abriu cinco pontos de diferença para o Palmeiras na classificação após engatar a quarta vitória consecutiva ao bater o Santo André por 2 a 0 na noite desta terça-feira, no estádio Jorge Ismael de Biasi, pela nona rodada do Campeonato Paulista Sicredi 2021. O técnico Paulo Roberto Santos, recém-recuperado da covid-19, acompanhou o jogo das tribunas.

Com o resultado, o Novorizontino ficou na vice-liderança do Grupo C, com 14 pontos, abrindo cinco do Palmeiras, na terceira posição. O Red Bull Bragantino tem 20 e o Ituano soma sete. O Santo André, por outro lado, é o segundo do Grupo A, com seis, contra 18 do Corinthians. Botafogo também tem seis e Inter de Limeira, três.

Novorizontino e Santo André fizeram um primeiro tempo muito sonolento, com poucas oportunidades de gol. O time visitante teve um pouco mais de volume, mas não conseguiu ser muito eficaz. A melhor chance foi aos 47 minutos, quando Marcos Martins cobrou falta fechada e contou com um quique da bola para quase enganar Giovanni, que fez a defesa.

Sem espaço, a equipe mandante ficou nos lapsos de Murilo Rangel, mas sempre na bola parada. Brigando pela classificação no equilibrado Grupo C, o Novorizontino ficou aquém do esperado nos primeiros 45 minutos e poderia muito bem ter saído atrás do placar, o que só não aconteceu pela falta de pontaria do Santo André.

O panorama mudou no segundo tempo. O Novorizontino voltou com uma postura totalmente diferente e abriu o placar logo no minuto inicial. Após cobrança de falta, Bruno Aguiar deu de bandeja para Felipe Rodrigues. O lateral dominou e mandou para o fundo das redes.

O segundo não demorou a sair. Jenison tentou uma jogada de calcanhar e a bola acabou batendo no braço de Rodrigo, pênalti. O próprio atacante foi para a cobrança e chutou rasteiro no meio do gol. Fernando Henrique chegou a tocar, mas não conseguiu evitar que a bola terminasse no fundo das redes.

Após ampliar, o Novorizontino comandou o jogo e poderia ter goleado. Fernando Henrique apareceu em duas oportunidades para fazer grandes defesas e impedir que o resultado fosse mais elástico. O Santo André, no entanto, também arriscou, mas, novamente, não teve sucesso nas finalizações e conheceu mais uma derrota.

O Santo André volta a campo na sexta-feira, às 20h, para enfrentar o São Paulo, no Morumbi, em São Paulo. No mesmo dia, o Novorizontino recebe o Santos, às 22h15, no Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte.

FICHA TÉCNICA:

NOVORIZONTINO 2 x 0 SANTO ANDRÉ

NOVORIZONTINO - Giovanni; Felipe Rodrigues (Ricardo Luz), Robson, Bruno Aguiar e Paulinho; João Pedro (Lepu), Léo Baiano e Murilo Rangel; Danielzinho (Roney), Jenison (Guilherme Queiroz) e Cléo Silva (Douglas Baggio). Técnico: Léo Condé.

SANTO ANDRÉ - Fernando Henrique; Marcos Martins, Pedro Vitor, Rodrigo e Bruno Santos; Wesley Fraga, PH (Caio Rangel), Marino (Vitinho) e Gegê; Minho e Ramon (Tiago Marques). Técnico: Allan Dotti (auxiliar).

GOLS - Felipe Rodrigues, a 1 minutos, e Jenison, aos nove minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Leandro Carvalho da Silva

CARTÕES AMARELOS - Bruno Santos e PH (Santo André)

LOCAL - Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.