Gilvan de Souza/Flamengo
Gilvan de Souza/Flamengo

Paquetá se prepara para despedida, mas pensa em volta ao Fla: 'É um até breve'

Já vendido ao Milan, jogador encerra passagem pelo clube carioca contra o Atlético-PR, no Maracanã

Estadão Conteúdo

26 de novembro de 2018 | 10h38

A partida contra o Atlético-PR, no próximo domingo, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 38.ª e última rodada do Campeonato Brasileiro, será a despedida do meia Lucas Paquetá no Flamengo. Vendido ao Milan, o jogador se apresentará no clube italiano em janeiro, mas já pensa em um possível retorno ao time carioca no futuro.

"São 12 anos no Flamengo, bastante tempo de casa. Só tenho que agradecer à instituição Flamengo por tudo o que fez por mim. Não é um adeus, é um até breve", disse Paquetá, que foi reserva na vitória sobre o Cruzeiro, no último domingo, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. O time tinha chances de título, mas elas acabaram com a vitória do Palmeiras sobre o Vasco.

"Tenho certeza que vai passar muita coisa na cabeça. É descansar, trabalhar firme essa semana e me preparar para esse dia especial", comentou o meia. "Não consigo responder (o que passará pela cabeça na despedida). Só no momento em que eu estiver lá dentro, tenho certeza que passará muita coisa pela cabeça".

Paquetá só lamenta o fato de deixar o Flamengo sem ter conquistado um título pelo clube. "Tivemos algumas conquistas, alcançamos a melhor marca do Flamengo nos pontos corridos (72 pontos). Infelizmente, não saímos com o título. Dói bastante. O objetivo principal é sempre conquistar títulos e dar alegrias à torcida, mas tenho certeza que quando o Flamengo ganhar o primeiro título, a coisa vai andar e a gente vai comemorar muito. A gente está bastante cascudo, uma hora vamos conseguir", completou.

Após a vitória sobre o Cruzeiro, o elenco do Flamengo ganhou dois dias de folga. A volta aos trabalho será apenas na quarta-feira, às 9 horas, no CT do Ninho do Urubu, em Vargem Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.