Alvaro Jr/Ponte Press
Alvaro Jr/Ponte Press

Ponte Preta vence o Londrina por 2 a 1, de virada, com gol nos acréscimos

Comemorando 121 anos de fundação, time campineiro comemora vitória deixando a zona de rebaixamento da Série B

Redação, Estadão Conteúdo

11 de agosto de 2021 | 21h26

No dia em que comemorou 121 anos de fundação, o ‘presente’ para o torcedor veio apenas nos acréscimos do segundo tempo. Com gol aos 47 minutos, a Ponte Preta venceu o Londrina, de virada, por 2 a 1, no Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

A vitória é extremamente importante para a Ponte Preta, que deixou a zona de rebaixamento e agora aparece em 16º lugar, com 16 pontos ganhos. Dois pontos a mais que o Vitória (17º) e que empatou com o Cruzeiro, por 2 a 2, em Belo Horizonte.

Já o Londrina segue em situação delicada na classificação. O time paranaense é apenas o penúltimo colocado com 13 pontos. Tem um ponto a mais que o lanterna Brasil de Pelotas.

Mesma situação do Londrina, que, assim como a Ponte Preta, permanece entre os quatro últimos colocados: é o 18º também com 14 pontos, só que atrás do time campineiro pelo número de saldo de gols: -6 a -7. Ambos têm o péssimo aproveitamento de apenas 27,5% no campeonato.

A partida começou com a Ponte Preta tendo a iniciativa e quase abrindo o placar aos sete minutos. Moisés arriscou de fora da área e o goleiro César espalmou. No rebote, Richard tentou finalizar, mas o goleiro chegou antes e mandou pela linha de fundo, evitando o primeiro gol.

A Ponte Preta sempre levou mais perigo com a bola nos pés, mas foi o Londrina que abriu o placar em Campinas. Aos 29, Marcelinho recebeu ótimo passe pelo lado esquerdo, chutou e Ivan espalmou. No rebote, Alisson Safira ganhou da marcação e só completou para as redes.

Apesar do gol do Londrina, o time paulista seguiu no ataque e viu sair dos pés de Moisés o empate. Aos 38, após cobrança de escanteio, o atacante passou por dois marcadores e cruzou na área. Alisson Safira tentou afastar, mas acertou o lateral-esquerdo Felipe Vieira e a bola entrou dentro do próprio gol.

No segundo tempo, a Ponte Preta seguiu buscando a vitória e criou oportunidade aos 10, quando Camilo entrou na área e finalizou com a perna de esquerda para fora. Mas o Londrina respondeu na mesma moeda. Aos 13, após escanteio, Rodrigão disputou bola com Saimon e cabeceou em direção ao próprio gol, obrigando Ivan a espalmar e evitar o pior.

Desorganizada, a Ponte Preta precisou se expor em campo e viu o Londrina aproveitar os espaços. Aos 19, Caprini roubou bola de Camilo e lançou Tiago Orobó. O atacante, sem marcação, invadiu a área e finalizou em cima do goleiro Ivan, que mandou para escanteio.

A reta final da partida foi um pouco mais movimentada, com a Ponte Preta apostando as últimas fichas no gol da vitória. E o gol saiu aos 47. Após cruzamento na área, Rodrigão protegeu a bola e tocou para Moisés, que chutou cruzado, garantindo a vitória ao time paulista.

A Ponte Preta volta a campo no sábado para enfrentar o Confiança, às 16h30, novamente no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). Já o Londrina jogará no domingo, quando receberá o Vila Nova, às 11 horas, no estádio do Café, em Londrina (PR).

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 2 X 1 LONDRINA

PONTE PRETA - Ivan; Kevin, Fábio Sanches (Thiago Lopes), Rayan (Cleylton) e Felipe Albuquerque; André Luiz, Vini Locatelli (Marcos Júnior) e Camilo (Iago); Richard (Niltinho), Rodrigão e Moisés. Técnico: Gilson Kleina.

LONDRINA - César; Matheus Bianqui, Saimon, Marcondes e Felipe Vieira (Bidía); Jean Henrique, Gegê e Marcelo Freitas (Pedro Cacho); Lucas Lourenço (Luiz Henrique), Alisson Safira (Caprini) e Marcelinho (Tiago Orobó). Técnico: Márcio Fernandes.

GOLS - Alisson Safira, aos 29; e Felipe Vieira (contra), 39 minutos do primeiro tempo. Moisés, aos 47 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)

CARTÕES AMARELOS - Ivan e Kevin (Ponte Preta); Felipe Vieira, Bidía, Lucas Lourenço e Alisson Safira (Londrina).

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.