Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Renato despista sobre escalação do Grêmio e faz mistério para domingo

Tendência é o time ter força máxima contra o Santos, em Porto Alegre, pelo Campeonato Brasileiro

Estadão Conteúdo

04 Maio 2018 | 20h26

O técnico Renato Gaúcho voltou a fazer mistério no Grêmio para a partida diante do Santos, domingo, na Arena. Vivo também na Copa do Brasil e na Libertadores, o time gaúcho pode poupar alguns titulares no duelo pelo Brasileirão. O comandante tricolor até admitiu esta possibilidade, mas negou que priorize qualquer destas competições.

+ Renato celebra goleada e vê Grêmio em 'lua de mel' com a torcida

+ Grêmio goleia Cerro Porteño e assume liderança de grupo da Libertadores

"É degrau a degrau, jogo a jogo. A gente vai sentindo dos jogadores que têm atuado com uma frequência maior, sabendo as reais condições deles. Não vamos colocar nenhum jogador em campo sabendo que pode sofrer uma lesão, independente da competição. Pode ser Libertadores, Copa do Brasil, Brasileirão. Converso bastante, sinto deles, e a partir daí, decido", comentou nesta sexta-feira.

Para a partida de domingo, Renato fez mistério e preferiu não confirmar a escalação. A tendência é que ele escale os titulares diante do Santos e só poupe alguns nomes contra o Goiás, quarta que vem, em casa, pela Copa do Brasil, por já ter conseguido uma boa vantagem no jogo de ida, em Goiânia.

"A equipe vocês sabem, vão receber a escalação 1h, 1h30 antes do jogo. É um duelo difícil, como todos do Brasileirão, independente se é na Arena ou fora. É sempre importante você pontuar para estar naquele grupo da frente, mesmo com o campeonato apenas começando. É preciso somar pontos, ter aquela gordurinha, porque lá na frente vai ser importante", considerou.

Se de fato não poupar os titulares, Renato deverá levar o Grêmio a campo contra o Santos com apenas uma mudança: a entrada de André na vaga de Jael. A equipe, assim, teria: Marcelo Grohe; Léo Moura, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon, Arthur, Ramiro, Luan e Everton; André.

Em meio à boa fase, o treinador recebeu outra boa notícia nesta sexta. O meia Douglas, em fase final de uma grave lesão que o afasta do futebol desde o início do ano passado, treinou normalmente com os colegas. Apesar disso, Renato evitou fazer uma previsão para o retorno do jogador.

"Agora, não sou eu ou o departamento médico quem vai dizer quando que ele volta. Isso é só ele mesmo que vai poder dizer. No momento que ele falar que está com confiança de participar de um coletivo ou jogo-treino, é porque ele está se sentindo bem", afirmou o técnico gremista.

Mais conteúdo sobre:
Renato Gaúcho Grêmio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.