Rubens Chiri / São Paulo
Rubens Chiri / São Paulo

São Paulo treina longe dos holofotes para reagir no Brasileirão

Técnico Diego Aguirre vai fazer treinos parcialmente fechados durante esta semana

Estadão Conteúdo

23 Outubro 2018 | 18h50

O meia Nenê chegou a ser considerado o principal articulador das jogadas de ataque do São Paulo na temporada, mas caiu bastante de rendimento e acabou perdendo a posição no time titular. Contra o Atlético-PR, sábado, no Morumbi, ele foi reserva e entrou apenas na metade do segundo tempo no time, no empate sem gols.

Na segunda-feira, o jogador ficou no Reffis, fazendo um trabalho de recuperação, e nesta terça-feira treinou normalmente. Mas o técnico Diego Aguirre não indicou se seu camisa 10 poderá retornar à equipe, que está há seis jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro e vê a chance de título cada vez mais distante.

Pressionado, o técnico Diego Aguirre vai fazer treinos parcialmente fechados durante a semana, com liberação de imagens só dos primeiros minutos da atividade. Por isso, é difícil ainda cravar qual equipe o comandante vai colocar em campo para o duelo de sexta-feira, contra o Vitória, em Salvador, pela abertura da 31ª rodada do Brasileirão.

No torneio nacional, o São Paulo ocupa a quarta posição, nove pontos atrás do líder Palmeiras. Flamengo e Internacional também estão à frente do tricolor, que tem apenas um ponto de vantagem sobre o Grêmio, quinto colocado. Com a fraca campanha nas últimas rodadas, a chance de título ficou distante e até a vaga na Libertadores do próximo ano está ameaçada.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.