Damien Meyer/AFP
Damien Meyer/AFP

Seleção feminina sub-20 desperdiça pênalti no fim e perde na estreia do Mundial

Após estar vencendo por 2 a 1, brasileiras levam a virada diante do México por 3 a 2 na França

Estadão Conteúdo

05 Agosto 2018 | 11h05

A seleção brasileira feminina perdeu para o México por 3 a 2 neste domingo, na estreia da Copa do Mundo Sub-20, na França. Em um duelo bastante equilibrado, o Brasil teve a chance de empatar no último lance da partida, mas desperdiçou uma cobrança de pênalti: Vitória mandou no travessão.

+ Brasil quer deixar de ser coadjuvante no Sub-20 feminino

+ Seleção feminina é goleada e Estados Unidos conquistam o Torneio das Nações

+ Confira mais notícias da seleção brasileira feminina de futebol

A partida válida pelo Grupo B foi disputada no estádio Clos Gastel, em Dinan. Pelo lado brasileiro, destaque para Kerolin, que marcou os dois gols da equipe. As mexicanas chegaram à vitória com Ovalle, que balançou a rede duas vezes e Katty Martínez, que fez o outro.

O Brasil volta a campo na próxima quarta-feira, às 8h30 (de Brasília), quando enfrentará a Inglaterra, adversária que venceu o time brasileiro em amistoso no fim de 2017. Na sequência, fecha a participação na primeira fase no domingo, contra a Coreia do Norte, a atual campeã mundial sub-20.

O duelo deste domingo começou bastante movimentado. O México abriu o placar logo aos quatro minutos com Martínez. O Brasil empatou dois minutos depois, com Kerolin. Ela recebeu lançamento, dominou de perna esquerda e bateu de direita.

O time brasileiro conseguiu virar ainda na etapa inicial. Aos 17, Kerolin acertou chute no ângulo da goleira adversária. O Brasil ainda perdeu ao menos três boas oportunidades para ampliar, mas desceu para o vestiário com a vantagem no marcador.

No segundo tempo, o México voltou melhor e deixou tudo igual com Ovalle. O Brasil sentiu o gol e passou a ser pressionado. Aos 19, as mexicanas viraram o jogo com Ovalle, que aproveitou bate-rebate na área e mandou para o gol. Kerolin quase deixou tudo igual de novo. Ela recebeu na área, driblou a goleira, mas chutou na trave. Aos 50 minutos, o Brasil desperdiçou a grande chance do empate em uma cobrança de pênalti que Vitória acabou mandando no travessão.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.