Gilvan de Souza/Flamengo
Gilvan de Souza/Flamengo

Sem Réver e pressionado, Flamengo vai ao Sul para 'roubar' 2ª posição do Inter

Equipe carioca, que chegou a liderar o Brasileiro, vem em declínio e está na terceira posição, com 41 pontos, a cinco do líder São Paulo

Estadão Conteúdo

05 de setembro de 2018 | 08h54

Pressionado após a derrota surpreendente para o Ceará na última partida e sem Réver, o Flamengo faz nesta quarta-feira, às 21h45, duelo direto pela vice-liderança do Campeonato Brasileiro diante do Internacional. A partida será no Beira-Rio e é válida pela 23.ª rodada.

O confronto é importante pois vale a vice-liderança da tabela e ocorre em mais um momento de turbulência do time carioca na temporada, após a eliminação da Copa Libertadores para o Cruzeiro e a derrota diante do Ceará, resultado que provocou protestos dos torcedores. A equipe carioca, que chegou a liderar a competição, vem em declínio e está na terceira posição, com 41 pontos, a cinco do líder São Paulo.

   Capitão do time, Réver não estará em campo pois o clube optou por não pagar a multa que liberaria o jogador para a partida. O zagueiro pertence ao Internacional e está emprestado à equipe carioca desde 2016. Como o defensor atuou na vitória por 2 a 0 sobre o rival gaúcho no primeiro turno, o Flamengo já deve R$ 1 milhão ao Inter.

Além de Réver, também desfalcam a equipe Cuéllar, Trauco e Lucas Paquetá, que estão com suas respectivas seleções, e Diego, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O técnico Maurício Barbieri usou os treinos para fazer ajustes táticos no time e não revelou quem escalará nas posições desfalcadas.

Na zaga, é provável que Rhodolfo entre no time para jogar ao lado de Léo Duarte, que volta de suspensão. Piris da Motta e William Arão devem formar a dupla de volantes e Vitinho tem grande chances de ser titular, formando o trio de ataque com Marlos e Henrique Dourado ou Lincoln.

Caso queira ser cauteloso, Barbieri pode optar por escalar Jean Lucas no meio e tirar um dos três atacantes. Pará, que já foi o titular da lateral direita na partida anterior, deve seguir no time em razão má fase técnica de Rodinei, muito criticado pelos torcedores.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.