Geoffroy Van der Hassel/AFP
Geoffroy Van der Hassel/AFP

Zidane lamenta lesão e torce para que Neymar esteja em campo contra o Real Madrid

Brasileiro sofreu entorse no tornozelo e é dúvida para partida da Liga dos Campeões

Estadão Conteúdo

26 de fevereiro de 2018 | 13h42

O técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane, comentou nesta segunda-feira sobre a lesão de Neymar e a possibilidade de o atacante brasileiro desfalcar o Paris Saint-Germain no jogo de volta contra o time espanhol válido pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

+ Emery demonstra otimismo e espera contar com Neymar contra o Real Madrid

+ Neymar posta foto com tornozelo imobilizado: 'Terminou por hoje'

"Não gosto que os jogadores se machuquem, não fico contente com isso. Espero que ele possa estar em campo, porque nunca vou desejar que um rival fique fora por lesão. Não gostei de ver ele se machucar, vi a partida e espero que não seja muito grave", comentou o treinador.

Neymar lesionou o tornozelo direito durante a vitória por 3 a 0 sobre o Olympique de Marselha no domingo pela 27ª rodada do Campeonato Francês. Logo após a partida, o jogador realizou ultrassonografia e confirmou que não houve fratura.

Nesta segunda-feira, ele deverá passar por novos exames, que determinarão o tempo aproximado que ficará fora de campo. Zidane também comentou que mesmo que Neymar fique de fora, a preocupação do Real Madrid será a mesma. "Se ele não jogar, estará em campo outro jogador, que estará preparado e motivado", comentou.

O time espanhol ganhou o jogo de ida contra o PSG por 3 a 1, no estádio Santiago Bernabéu, e pode perder por até um gol de diferença na partida de volta que garante a classificação. As equipes se enfrentarão novamente em 6 de março, em Paris.

Além desse duelo, Neymar também se tornou dúvida para os amistosos da seleção brasileira contra Rússia e Alemanha no final de março. O técnico Tite anunciará os convocados na próxima sexta-feira.

O Real Madrid volta a campo nesta terça-feira para enfrentar o Espanyol pela competição nacional. O time do técnico Zidane vem de quatro vitórias consecutivas no torneio e ocupa o terceiro lugar na tabela, com 51 pontos, a 14 de distância do líder Barcelona.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.