Jaci Silveira/Cruzeiro
Jaci Silveira/Cruzeiro

Wagner Pires de Sá vence eleição e é o novo presidente do Cruzeiro

Candidato da situação recebeu 235 votos contra 200 de Sérgio Santos Rodrigues

Estadão Conteúdo

02 Outubro 2017 | 22h26

O Cruzeiro tem um novo presidente para os próximos três anos. Impulsionado pelo título da Copa do Brasil - vencido na última quarta-feira contra o Flamengo -, o candidato da situação, Wagner Pires de Sá, de 76 anos, venceu nesta segunda-feira a eleição entre os conselheiros do clube, em Belo Horizonte, e assumirá no lugar de Gilvan de Pinho Tavares.

+ Mano aponta justiça no empate do Cruzeiro com o Corinthians

O resultado da eleição indireta foi oficializado no meio da noite desta segunda-feira após uma votação que começou às 15h08 e terminou às 20h30. Dos 465 conselheiros aptos a votar, 442 foram homologados no salão nobre do ginásio do Barro Preto. Com uma margem apertada, o candidato da situação levou 235 votos e superou Sérgio Santos Rodrigues, da oposição comandada pelo ex-presidente Zezé Perrella, que teve 200.

Feliz e emocionado com a vitória, Wagner Pires recebeu a imprensa logo após a divulgação dos votos e deu sua primeira entrevista como presidente eleito do Cruzeiro. "Nós cumprimentamos a todos, tiramos fotos juntos e todos nós demos as mãos porque nós somos só um, o Cruzeiro. A responsabilidade que o Gilvan (de Pinho Tavares) deixou para mim é ganhar uma Libertadores e um Mundial. É muito difícil, mas eu vou chegar lá", prometeu.

"Eu ganhei uma eleição, ainda não tomei posse, por ética e por amizade, não vou interferir ainda na administração do Gilvan. Vou sentar com ele, mas o presidente ainda é ele, eu fui eleito. Nós vamos comandar o Cruzeiro com todos conselheiros, com todos associados. Nós vamos passar de sexto para quarto lugar em número de torcedores (no Brasil)", completou o novo presidente celeste.

A posse do novo presidente, no salão nobre no ginásio do Barro Preto, será realizada às 10h30 do próximo dia 31 de dezembro, véspera de Ano Novo e a dois dias do aniversário de 97 anos do Cruzeiro.

Mais conteúdo sobre:
Cruzeiro Esporte Clube futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.