Thiago Araújo/ Agência Pará
Thiago Araújo/ Agência Pará

Após demitir Argel, Criciúma confirma Mazola Júnior como técnico para a Série B

Novo treinador poderá estrear no comando da equipe na terça-feira contra o Juventude

Estadão Conteúdo

12 Maio 2018 | 18h18

A diretoria do Criciúma confirmou, no final da tarde deste sábado, o acerto com o técnico Mazola Júnior, de 53 anos, ex-CRB, com passagens por Paysandu e Sport. Ele vai substituir Argel Fucks, que deixou o clube após um péssimo início de Campeonato Brasileiro da Série B. A sua estreia será na próxima terça-feira, quando o time catarinense recebe o Juventude, às 21h30, no estádio Heriberto Hulse, pela sexta rodada da Série B.

+ Confira a tabela de classificação da Série B do Campeonato Brasileiro

+ Atlético-GO e Londrina empatam sem gols e ficam fora do G-4 da Série B

+ Paysandu cede empate ao Juventude e perde chance de dormir na ponta da Série B

A primeira missão de Mazola Júnior é tirar o Criciúma da zona de rebaixamento. Nas cinco primeiras rodadas da Série B, o time não somou nenhum ponto - perdeu para Atlético-GO (3 a 2), Ponte Preta (1 a 0), Coritiba (2 a 1), CSA (3 a 1) e Guarani (1 a 0).

A nova comissão técnica conta também com Roni Silva para a preparação física e Marcelo Dias, auxiliar de Mazola. Ambos estavam com o treinador no CRB, de Alagoas, também participante da Série B. Após duas reuniões intensas pela manhã, as duas partes se acertaram após o almoço, com valores não revelados.

Para o novo técnico, o "Criciúma é um clube de referência nacional e tem um elenco capaz de reagir na Série B". "Foram apenas cinco rodadas e dá tempo para mudar o que for necessário", ressaltou o comandante.

O Criciúma paga caro o equívoco cometido com sua planificação anual, feita em janeiro pelo técnico Lisca. Para evitar a queda no Campeonato Catarinense, contou com a ajuda de Argel Fucks, que não conseguiu, porém, esperar os prometidos reforços. Com isso, sofreu cinco derrotas consecutivas em cinco rodadas da Série B, ocupando a lanterna.

CARREIRA

Mazola Júnior iniciou a carreira de treinador em 2009, mas foi três anos depois que ele se destacou, quando assumiu o comando do Sport de forma interina após a saída de PC Gusmão e conquistou o acesso à elite do Campeonato Brasileiro.

O treinador ainda tem passagens por Ipatinga, Bragantino, Cuiabá, Paysandu, Botafogo-SP, CRB e Vila Nova-GO. Pelo Paysandu, conquistou o acesso à Série B do Brasileiro em 2014 e dois anos depois foi campeão alagoano pelo CRB.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.