Lavandeira Jr./EFE
Lavandeira Jr./EFE

Auxiliar de Gareca garante 'mudança de chip' no Peru após derrota na estreia

Peruanos enfrentam a França na quinta-feira, após revés para a Dinamarca

Estadão Conteúdo

17 Junho 2018 | 18h58

Passada a decepção com a derrota na estreia da Copa do Mundo, a ordem no Peru é "mudar o chip" e esquecer o resultado de sábado diante da Dinamarca, a queda por 1 a 0. Neste domingo, a seleção voltou aos treinos em Khimki, já visando o restante do torneio na Rússia.

+ Guerrero minimiza reserva na seleção peruana: 'Respeito a decisão do treinador'

+ Cueva chora por errar pênalti e recebe apoio dos jogadores e do São Paulo

Auxiliar do técnico Ricardo Gareca, o ex-jogador Nolberto Solano garantiu que o pensamento do Peru já está no confronto de quinta-feira diante da França, em Ecaterimburgo. "A partida contra a Dinamarca já passou, não há tempo a perder. É preciso mudar o chip rápido, melhorar e buscar a vitória contra a França", declarou em entrevista à Fifa.

Na atividade deste domingo, foram a campo somente os reservas. Entre eles, Paolo Guerrero, que chegou a marcar um belo gol durante o treino. A expectativa é de que o jogador volte a ser titular diante dos franceses.

 

Depois da derrota na estreia, os peruanos voltam a campo contra a França e encerram a participação na primeira fase do Mundial diante da Austrália, dia 26, em Sochi, pelo Grupo C.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.