Lavandeira Jr./EFE
Lavandeira Jr./EFE

Auxiliar de Gareca garante 'mudança de chip' no Peru após derrota na estreia

Peruanos enfrentam a França na quinta-feira, após revés para a Dinamarca

Estadão Conteúdo

17 de junho de 2018 | 18h58

Passada a decepção com a derrota na estreia da Copa do Mundo, a ordem no Peru é "mudar o chip" e esquecer o resultado de sábado diante da Dinamarca, a queda por 1 a 0. Neste domingo, a seleção voltou aos treinos em Khimki, já visando o restante do torneio na Rússia.

+ Guerrero minimiza reserva na seleção peruana: 'Respeito a decisão do treinador'

+ Cueva chora por errar pênalti e recebe apoio dos jogadores e do São Paulo

Auxiliar do técnico Ricardo Gareca, o ex-jogador Nolberto Solano garantiu que o pensamento do Peru já está no confronto de quinta-feira diante da França, em Ecaterimburgo. "A partida contra a Dinamarca já passou, não há tempo a perder. É preciso mudar o chip rápido, melhorar e buscar a vitória contra a França", declarou em entrevista à Fifa.

Na atividade deste domingo, foram a campo somente os reservas. Entre eles, Paolo Guerrero, que chegou a marcar um belo gol durante o treino. A expectativa é de que o jogador volte a ser titular diante dos franceses.

 

Depois da derrota na estreia, os peruanos voltam a campo contra a França e encerram a participação na primeira fase do Mundial diante da Austrália, dia 26, em Sochi, pelo Grupo C.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.