Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Auxiliar promete Felipão empolgado em chegada: 'Está muito motivado'

Paulo Turra afirma que técnico está motivado pela chance de voltar a trabalhar no Palmeiras

O Estado de S. Paulo

03 Agosto 2018 | 05h00

O auxiliar técnico do Palmeiras, Paulo Turra, contou nesta quinta-feira, em Salvador, novidades da preparação do clube para a chegada do novo treinador, Luiz Felipe Scolari, que se apresenta ao clube nesta sexta-feira. Mesmo à distância, o comandante participou bastante da semana de treinos, com conversas, instruções e a demonstração de ansiedade para o começo do trabalho.

+ Felipe Melo defende Deyverson: 'Ele luta muito'

+ Tabela do Campeonato Brasileiro 2018

O assistente de Felipão está no clube desde a semana passada e dirigiu o Palmeiras nesta quinta-feira no empate em 0 a 0 com o Bahia, na Fonte Nova, pela partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O jogo de volta será no dia 16, em São Paulo, já com a presença à beira do gramado do novo treinador, que vive dias de bastante empolgação.

"A gente sempre manteve contato, mas fazia tempo que eu não o via com tanta empolgação, com tanta vontade de trabalhar. Ele ligou todos os dias para nós antes, após o treino, ou à noite, sempre falando. Às vezes até a chamada de vídeo fazia", comentou Turra, que chegou ao Palmeiras na semana passada junto com o outro auxiliar de Felipão, Carlos Pracidelli.

O novo técnico passou os últimos dias em Portugal, onde resolveu problemas pessoais. Felipão recusou sondagens para dirigir as seleções da Coreia do Sul e do Egito antes de aceitar a proposta para iniciar a terceira passagem pelo Palmeiras. O contrato vai até dezembro de 2020. A multa rescisória firmada será o pagamento de um mês extra de salários.

"Ele está muito motivado, por toda história que ele tem no futebol, por toda história que tem dentro do Palmeiras, uma história vencedora. Saber que ele vai pegar um Palmeiras com uma estrutura fantástica, com um grupo de jogadores muito bom, é ótimo", disse Turra, zagueiro do Palmeiras entre 2000 e 2001.

Felipão mandou recados mesmo de longe para ajudar o Palmeiras a se preparar para enfrentar o Bahia. "Mesmo de longe ele teve muita parcela nesse jogo, deu todas as ideias, porque já tinha visto vídeos do Palmeiras", explicou o auxiliar.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.