Reprodução/Flamengo Twitter Oficial
Reprodução/Flamengo Twitter Oficial

Fernandinho, primeiro goleiro profissional do Flamengo, morre aos 105 anos

Fernando Ferreira Botelho estava no clube na transição entre o amadorismo e o profissional e faleceu por conta de parada cardíaca

Estadão Conteúdo

28 de julho de 2018 | 17h38

Morreu neste sábado Fernandinho, o primeiro goleiro profissional do Flamengo. O ex-jogador estava com 105 anos e sofreu uma parada cardíaca na madrugada deste sábado. O clube rubro-negro confirmou a informação pelas redes sociais.

+ Leia mais notícias sobre o Flamengo

+ Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

+ Flamengo anuncia a contratação do atacante Vitinho, do CSKA Moscou

"Hoje (sábado) damos adeus a um ex-atleta e eterno ídolo rubro-negro. Fernandinho, primeiro goleiro profissional do Clube de Regatas do Flamengo, cuja história se entrelaça a do Mais Querido do Mundo, faleceu aos 105 anos e deixará uma saudade gigante em nossos corações", postou o clube no Twitter.

Fernando Ferreira Botelho estava no clube na transição entre o amadorismo e o profissional. Seu primeiro jogo oficial com a camisa rubro-negra foi em 1931, em um Fla-Flu, que o Flamengo venceu por 1 a 0.

Como jogador, no entanto, teve uma breve carreira. Permaneceu no gol do Flamengo por quatro anos e precisou se aposentar em 1934, por conta de uma lesão no joelho. Fernandinho foi velado nesta tarde, no Cemitério de São João Batista, no Rio.

O Flamengo prepara uma homenagem ao ex-goleiro na partida contra o Sport, neste domingo, às 16h (de Brasília), no Maracanã. O atual titular da meta, Diego Alves, deve entrar em campo com uma camisa com o nome de Fernandinho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.