Felipe Oliveira / EC Bahia
Felipe Oliveira / EC Bahia

Atlético-PR e Bahia decidem quem manterá vivo sonho do 1º título internacional

Time do sul tem vantagem após vitória polêmica por 1 a 0 em Salvador

Estadão Conteúdo

31 Outubro 2018 | 06h46

Ainda mais motivados pelo polêmico confronto de ida, Atlético-PR e Bahia voltam a se enfrentar nesta quarta-feira, às 21h45, para decidir quem se classifica às semifinais da Copa Sul-Americana. Em situação favorável por ter vencido o primeiro jogo por 1 a 0, o time paranaense receberá o rival na Arena da Baixada, em Curitiba, e conta com a vantagem do empate.

Algo que parece normal, tendo em vista que o Atlético-PR vem de uma sequência inédita de 12 vitórias consecutivas diante de sua torcida. Ela promete comparecer em grande número para apoiar o seu time rumo às semifinais contra o vencedor do duelo entre Nacional-URU e Fluminense.

A derrota do Bahia em Salvador veio após o time ter dois gols anulados pelo VAR (árbitro de vídeo, na sigla em inglês), o que rendeu polêmica. Agora, o time visitante sabe que terá que voltar a marcar, já que precisa vencer por dois ou mais gols para conseguir a vaga de forma direta. Uma vitória do Bahia por 1 a 0 levará a definição da vaga para os pênaltis.

Fazendo campanhas consistentes no Campeonato Brasileiro, tanto o Atlético-PR quanto o Bahia aproveitam para focar na busca pelo que seria o seu primeiro título internacional. Vice-campeão da Copa Libertadores em 2005, o Atlético-PR chegou a fazer bonito na Sul-Americana no ano seguinte, quando alcançou a fase semifinal. Já o Bahia esteve pela última vez em um torneio deste porte em 2012, mas foi eliminado ainda na fase nacional.

Mesmo tendo poupado os seus titulares, o Atlético-PR venceu o Botafogo pelo Brasileirão, no final de semana, por 2 a 1. Contando com força máxima, o técnico Tiago Nunes tem apenas a dúvida entre Wellington e Bruno Guimarães no meio de campo para definir seus 11 titulares. O goleiro Santos, que cumpriu suspensão, retorna. "Construímos uma vantagem importante na primeira partida, mas que só terá valor se a gente merecer vencer o jogo da volta. Temos que ter todos os cuidados e muito respeito com o adversário", alertou o treinador.

Após a viagem para São Paulo, onde foi derrotado por 2 a 1 pelo Corinthians pelo Brasileirão, o Bahia iniciou a preparação para a decisão internacional no CT do Palmeiras. O técnico Enderson Moreira contará com o importante retorno do meia Zé Rafael, que cumpriu suspensão pela competição nacional. O atacante Gilberto segue em tratamento e é desfalque.

"A gente vai ter que ter uma postura mais agressiva para buscar o primeiro gol, mas sem desorganizar. Temos que fazer um jogo bastante concentrado para surpreender o Atlético-PR lá e sair com a classificação", disse o volante Gregore, um dos mais regulares do time.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.