Érico Leonan/São Paulo FC
Érico Leonan/São Paulo FC

Dorival cobra intensidade na marcação e nas jogadas de infiltração do São Paulo

Time se prepara para enfrentar o Atlético-MG na próxima quarta-feira, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

05 Outubro 2017 | 13h39

O técnico Dorival Junior cobrou força na marcação e intensidade nas jogadas de infiltração do São Paulo no treino desta quinta-feira, 5, no CT da Barra Funda. O time se prepara para enfrentar o Atlético-MG na próxima quarta-feira, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. O São Paulo não perde há quatro rodadas e está na 14ª posição, com 31 pontos. 

+ Walter encaminha acordo para trocar Corinthians pelo São Paulo

Na atividade desta quinta, o treinador dividiu o elenco em pequenos grupos de dois ou três jogadores, que se enfrentavam entre si. Os trabalhos simulavam situações de infiltração e exigiam que atletas do setor defensivo tentassem conter os atacantes e meias. Rodrigo Caio e Buffarini, que saíram mancando do treino de quarta, participaram da atividade sem restrições.

Dorival ainda não deu dicas do time que deverá enfrentar os mineiros. Ele não poderá contar com Cueva e Arboleda, que defendem suas seleções nacionais nas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa. Além dos substitutos dos jogadores de seleção, o treinador terá que decidir quem vai ser o titular do time na lateral esquerda. Júnior Tavares, que cumpriu suspensão no jogo contra o Sport, está à disposição de Dorival, que terá que optar entre Tavares e Edimar.

O time não vai ter folga até o dia do jogo em Belo Horizonte. Nesta sexta, os jogadores fazem o último treino aberto à imprensa. No fim de semana, treinará com portões fechados e, na segunda e na terça da semana que vem, encerra a preparação, mantendo o mistério, com imagens permitidas apenas do aquecimento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.