Carl Recine/Reuters e Martin Meissner/AP Photo
Carl Recine/Reuters e Martin Meissner/AP Photo

Resumo da Copa do Mundo 2018: confrontos das quartas de final definidos marcam o 20º dia

Suécia venceu a Suíça e a Inglaterra eliminou a Colômbia nas duas últimas vagas abertas para a próxima fase do Mundial da Rússia

O Estado de S.Paulo

03 Julho 2018 | 18h34

O último dia de jogos das oitavas de final da Copa do Mundo foi marcado por uma partida com pouca emoção e outra que não faltou equilíbrio e a decisão precisou ir para os pênaltis. No primeiro duelo, a Suécia derrotou a Suíça em uma partida morna, com poucas chances para os dois times. Depois, a Inglaterra superou a Colômbia nas cobranças de penalidades e encerrou as oitavas. O dia ainda teve ainda a volta de Douglas Costa aos treinos na seleção brasileira, Maradona se oferecendo para treinar a seleção argentina, entre outros assuntos.

+ Saiba quais os jogos e horários das quartas de final da Copa do Mundo

+ VOTE: Escolha as camisas mais bonitas do Mundial 2018

+ Conheça mais detalhes sobre a taça da Copa do Mundo

Inglaterra elimina Colômbia nos pênaltis

O goleiro Pickford colocou a Inglaterra nas quartas de final da Copa da Rússia. Após empate por 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação com a Colômbia, ele defendeu uma cobrança (a outra foi na trave) e garantiu a vitória dos ingleses por 4 a 3. Bacca e Uribe desperdiçaram para os colombianos. Após um jogo tenso, nervoso e cheio de cartões amarelos, a Inglaterra se classifica para enfrentar a Suécia, em Samara. 

Suécia bate a Suíça e volta às quartas de final da Copa após 24 anos

A Suécia derrotou a Suíça por 1 a 0 nesta terça-feira, em São Petersburgo, e garantiu vaga nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia, feito que a seleção nórdica não alcançava desde o Mundial de 1994, quando terminou em terceiro lugar.

Douglas Costa treina e vai reforçar a seleção contra a Bélgica

As lesões não parecem mais ser um problema para Tite antes do duelo com a Bélgica, pelas quartas de final da Copa do Mundo. Nesta terça-feira, no dia seguinte ao triunfo por 2 a 0 sobre o México, em Samara, a seleção brasileira retomou a sua rotina de atividades em Sochi com a presença do meia-atacante Douglas Costa, recuperado de contusão, assim como do lateral-esquerdo Marcelo. 

Em 2012, Tite condenou simulação de Neymar: 'Mau exemplo para o meu filho'

O mundo do futebol discute a postura de Neymar em campo durante os jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo e o lance em que ele tomou um pisão de Layún gerou críticas dos mexicanos, em especial do próprio atleta mexicano e do técnico Juan Carlos Osório. Tite, treinador da seleção brasileira, saiu em defesa do atacante, mas em 2012, ele foi quem condenou a postura do jogador e disse que a simulação era um mau exemplo para seu filho.

 

Síria, Cuba, Jamaica, Haiti... países comemoram a vitória do Brasil

O brasileiro é um povo que é reconhecido mundialmente por ser simpático, alegre e carismático com estrangeiros. Talvez isso explique o por que vitória da seleção brasileira na manhã desta segunda-feira não deixou só os residentes do país felizes, mas diversos outros povos espalhados pelo mundo. 

Conheça a história de Hrvoje Custi, que foi homenageado por goleiro da Croácia

O goleiro Danijel Subasic chamou a atenção durante a comemoração da classificação da Croácia para as quartas de final da Copa do Mundo ao exibir uma camisa que usava por baixo do uniforme com a inscrição“Para sempre”. Ele fez uma homenagem ao seu amigo de clube Hrvoje Custic, que morreu após bater a cabeça em um muro, em abril de 2008, durante um jogo válido pelo campeonato croata. 

Mikel revela que jogou contra a Argentina minutos após descobrir sequestro do pai

O meio-campista John Obi Mikel revelou nesta terça-feira que entrou em campo para defender a Nigéria contra a Argentina, pela terceira rodada do Grupo D da Copa do Mundo, minutos depois de descobrir que o pai dele havia sido sequestrado e seria morto se o jogador reportasse o crime às autoridades. O resgate de Pa Michael Obi foi comunicado pela polícia da cidade nigeriana de Enugu na última segunda-feira.

Alemanha anuncia permanência de Löw na seleção após campanha vexatória na Copa

A Federação Alemã de Futebol (DFB) anunciou nesta terça-feira a permanência do técnico Joachim Löw no comando da seleção nacional. Em comunicado oficial, a entidade explicou que se reuniu com o treinador e ouviu dele o desejo de seguir com o trabalho que realiza desde 2006.

Maradona se oferece para treinar Argentina de graça

O ídolo do futebol argentino Diego Maradona se ofereceu para treinar de graça a seleção do país, oito anos após sua última tentativa ter acabado em fracasso na Copa do Mundo da África do Sul. Maradona, que acompanhou os jogos da Argentina no Mundial da Rússia até a derrota por 4 x 3 para a França nas oitavas de final, foi perguntado se gostaria de ter uma outra oportunidade no cargo - apesar de o atual técnico, Jorge Sampaoli, ter contrato até 2022.

'Polvo vidente' erra previsão do Japão nas oitavas da Copa e vira comida

O destino de um animal vidente que errar palpites em uma Copa do Mundo pode ser cruel. Não podemos dizer que a máxima vale para os bichos do mundo inteiro, mas pelo menos foi o que aconteceu no Japão, onde um polvo vidente que vinha obtendo acertos em todos os seus resultados acabou sendo abatido depois que errou o resultado do jogo entre Bélgica e Japão, na última segunda-feira, pelas oitavas de final do Mundial.

Por que os belgas não falam nenhuma das línguas oficiais do país em campo?

A Bélgica é a próxima adversária da seleção brasileira nas quartas de final da Copa do Mundo. O duelo acontece neste próximo sábado, às 15h. Mas que idioma os adversários do Brasil falarão quando entrarem em campo? Nenhum dos três oficiais do país.

Veja como foram os outros dias da Copa

19ºdia

18º dia 

17º dia

16º dia

15º dia

14º dia

13ª dia

12º dia

11º dia

10º dia

9º dia

8º dia

7º dia

6º dia

5º dia

4º dia

3º dia

2º dia

1º dia

​Copa do Mundo AO VIVO

Acompanhe aqui outras notícias sobre o Mundial na Rússia minuto a minuto.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.